Embaixadores – Susana Silva

Embaixadores

Susana Silva

Susana Silva faz parte dos Embaixadores da WVegan, ela é para-atleta das modalidades de Handebol em Cadeira de Rodas (HCR) e de Atletismo Adaptado. Em 2018 foi convocada para participar dos treinos da Seleção Brasileira e em 2019 representou o Brasil nos Jogos Parapan-Americanos de Handebol. Assim com sua participação o Brasil foi campeão, Susana foi artilheira no HCR4 e também atleta destaque no HCR7.

Carreira

Minha história esportiva começou em 1999, então com 14 anos, fui chamada para participar de um polo esportivo de Atletismo. Antes do acidente recebi o Troféu de Atleta Destaque de Santa Catarina em 2003, 1° Lugar no Ranking Catarinense na categoria Juvenil e Adulto, 3º Lugar no Ranking Nacional Juvenil e 10º Lugar no Ranking Nacional Adulto; Participei duas vezes do Troféu Brasil de Atletismo.

Acidente

Em 2004, aos 19 anos, sofri um acidente durante um treinamento de musculação, o aparelho de agachamento que eu usava estava sem trava de segurança. Quebrei a coluna e tive uma lesão medular que me deixou paraplégica.

Superação e Veganismo

Em 2006 voltei a competir no Atletismo Adaptado, fui Campeã e Recordista nas provas de Lançamento de Dardo e Arremesso de Peso. Mas no ano seguinte desisti do esporte de rendimento e fui fazer outras coisas, como ir para o mercado de trabalho, viver uma nova vida.

O esporte continuou fazendo parte da minha vida, mas como lazer e qualidade de vida, continuei fazendo musculação, depois crossfit, e fui experimentando uma série de esportes, como caiaque, parapente, rapell, standup, rafting, volei na praia, corridas de rua, entre outras aventuras como trilhas e acampar.

Em 2018 soube que a equipe de Balneário Camboriú/SC tinha handebol em cadeira de rodas, e assim pedi para participar de um treino, apenas para relembrar como era jogar. E desde então não parei mais, no handebol ocupo a posição de goleira e atacante.
Em 2020 voltei para o Atletismo, fiquei em 1° Lugar no Lamento de Dardo no Regional Sul Loterias Caixa, liderando o ranking nacional da prova. Meu objetivo no esporte é participar da Paralímpiadas da França em 2024.
Iniciei a transição para o vegetarianismo no mesmo ano que retornei para o esporte de rendimento, quando participei do Parapan eu já estava vegana. Quero mostrar através do meu despenho que atletas com alimentação 100% vegetal podem ser referência no esporte de alto rendimento.

 

SIGA NOSSAS MÍDIAS SOCIAIS

VEJA MAIS SOBRE OS EMBAIXADORES SOBRE SUPLEMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO AQUI!

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK.

SIGA NOSSO INSTAGRAM.

OU ENTÃO SE INSCREVA NO CANAL DO YOUTUBE.

Poste um comentário

Chame no WhatsApp